enxaqueca, enxaqueca rj, dor de cabeça, dor de cabeça rj enxaqueca, enxaqueca rj, dor de cabeça, dor de cabeça rj enxaqueca, enxaqueca rj, dor de cabeça, dor de cabeça rj enxaqueca, enxaqueca rj, dor de cabeça, dor de cabeça rj enxaqueca, enxaqueca rj, dor de cabeça, dor de cabeça rj
Dor de Cabeça » Enxaqueca
Fatores deflagradores

Muitos são os fatores externos ou internos de agressão que podem iniciar uma crise de dor em quem tem enxaqueca. No entanto, vamos listar abaixo os fatores mais frequentes relacionados ao início do processo doloroso.

Alimentos e Bebidas

  • queijos amarelos envelhecidos (contêm tiramina);
  • frutas cítricas (principalmente laranja, limão, abacaxi e pêssego); banana – principalmente banana d’água (em alguns pacientes);
  • linguiças;
  • salsichas e alimentos de coloração avermelhada em conserva (devido aos nitritos e nitratos usados como conservantes);
  • frituras e gorduras;
  • chocolate (contém feniletilamina e cafeína);
  • café, chá e refrigerantes à base de cola;
  • aspartame (adoçante artificial);
  • glutamato monossódico (presente em molho geralmente usado em pratos da cozinha oriental);
  • vinhos (principalmente o tinto, que possui radicais fenólicos, já que a tiramina também existe no vinho branco e não é a única responsável);
  • cervejas e chope;
  • aguardentes e uísque.

Habitos de alimentação e sono

  • mais de cinco horas seguidas sem se alimentar;
  • dormir mais ou menos do que o habitual para aquele determinado paciente.

Variações bruscas de temperatura e umidade do ar

Principalmente a entrada em ambientes frios estando antes em ambiente quente e vice-versa, e a ingestão de líquidos gelados com o organismo aquecido ou suando muito.

Fatores emocionais e estresse

Como não existe vida sem estresse, principalmente nas grandes cidades, é comum observarmos que muitas pessoas que sofrem de enxaqueca entram em crise logo após períodos de estresse ou excitação. Fases de depressão ainda não foram caracterizadas como responsáveis pelo início de uma crise, embora a incidência do problema nos sofredores de enxaqueca tenha sido considerada estatisticamente maior do que na população normal.

Menstruação e fatores hormonais

É muito comum observarmos mulheres portadoras de enxaqueca apresentarem dor nas fases pré, durante ou após a menstruação. Há mulheres que só apresentam crises de enxaqueca na época menstrual (14 % das mulheres com enxaqueca). Parece que a queda sangüínea normal, que ocorre em uma fração do estrogênio, nesta época do ciclo menstrual, é a maior responsável por esta incidência significativa. Entretanto, há muitas portadoras de enxaqueca que pioram de suas crises a partir do momento em que iniciam o uso de anticoncepcionais orais. Também é observado que, na menopausa, muitas mulheres melhoram espontaneamente e voltam a piorar quando iniciam a reposição hormonal estrogênica.

 

Veja mais em: Enxaqueca na mulher

 

Observações

Há ainda fatores deflagradores específicos e individuais para vários pacientes, que não são considerados comuns ou frequentes. Soubemos, por exemplo, de uma paciente que entrava em crise todas as vezes que fazia esclerose de microvarizes com alguma daquelas substâncias saponáceas utilizadas habitualmente.

 

enxaqueca, enxaqueca rj

Endereço: Rua Siqueira Campos, 43 – salas 1002 e 1003 – Copacabana, Rio de Janeiro/RJ

© Copyright 2011 Dor de Cabeça